Jovem é agredida e estuprada em Itacoatiara. Outra vítima foi encontrada com rosto desfigurado em terreno baldio

0
1413
Foto: Câmera de vigilância.
Foto: Câmera de vigilância.
Clique na imagem e conheça a Urbano Norte.
Clique na imagem e conheça a Urbano Norte.

Ao menos duas mulheres foram violentadas durante a madrugada de domingo, 12 de Setembro, no Município de Itacoatiara (266km de Manaus). Uma das vítimas chegou a ser estuprada em uma área de mata.

Amazônia Florescer - Shopping ItaMall Centro de Itacoatiara, Contato: 📲 (92) 99485-9223 (CLIQUE NA IMAGEM)
Amazônia Florescer – Shopping ItaMall Centro de Itacoatiara, Contato: 📲 (92) 99485-9223 (CLIQUE NA IMAGEM)

A primeira ocorrência foi registrada por câmeras de segurança na madrugada de domingo, 12 de Setembro, no bairro do Tiradentes. Era por volta de 02h:50min quando uma jovem de 19 anos de idade, que andava a pé na rua José tadros, foi abordada por um indivíduo, sendo puxada pelos cabelos e arrastada a golpes de mata leão para um terreno baldio, próximo a Escola de tempo Integral (CETI). A mulher chegou a desmair ao ser enforcada diversas vezes e abusada sexualmente na mata. A vítima foi encontrada por moradores despida e ensanguentada no terreno. A Polícia Militar foi acionada e fizeram a condução da mulher para a unidade do Hospital Regional José Mendes (HRJM). A vítima deu entrada com diversos hematomas, fratura no nariz e ferimentos pelo corpo.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução
Aplicativo Mais Delivery Itacoatiara. Baixe clicando aqui!
Aplicativo Mais Delivery Itacoatiara. Baixe clicando aqui!

Outra ocorrência, violência física, ocorreu no bairro do São Cristóvão ainda durante a madruga de domingo (12). Valdemarina Barreto, conhecida como Valda, foi encontrada às 04h:20min, em um terreno baldio na Avenida Mário Andreaza. A vítima estaria despida (sem vestimenta), ensaguentada e com a face desfigurada após sofrer a agressão física. Um casal chegou a socorrer a mulher e a conduziu para Unidade Hospitalar. Hematomas e ferimentos pelo corpo da vítima mostravam a crueldade feita pelo agressor. De acordo com a equipe médica, a mulher não chegou a ser abusada sexualmente.

Foto: Delegacia de Polícia
Foto: Delegacia de Polícia

Os casos estão sendo investigados pela Delegacia Interativa de Polícia (DIP). Câmeras de vigilância estão sendo verificadas e testemunhas estão sendo ouvidas para identificação dos autores dos crimes.

Conheça nossos Produtos e Ofertas no Instagram: O Nordestão. Clique aqui!
Conheça nossos Produtos e Ofertas no Instagram: O Nordestão. Clique aqui!
Clique na imagem e conheça a Universo da Construção, Realizando Sonhos.
Clique na imagem e conheça a Universo da Construção, Realizando Sonhos.
Arlesson Celular Plus. 📲 (92) 99510-4748 Luiza; (92) 99359-6184 Lucas; (92) 99206-9136 Adriana.
Arlesson Celular Plus. 📲 (92) 99510-4748 Luiza; (92) 99359-6184 Lucas; (92) 99206-9136 Adriana.

Deixe uma resposta