Casal fica gravemente ferido após ser atropelado por carro em Itacoatiara

0
4014
Foto: Reprodução/Facebook
Foto: Reprodução/Facebook

Um casal ficou gravemente ferido após ser atropelado por um carro na sexta-feira, 19, por volta das 19h:30min, na rotatória do centro de eventos, entre as ruas Álvaro Maia e Beija-Flor, bairro Prainha, no Município de Itacoatiara.

De acordo com uma das vítimas, identificada como Tati Freitas , 39, ela estava com seu marido, Evandro Chavier, 34, em uma moto, marca/modelo: Honda/Biz, cor preta, quando foram atropelados por um carro, aparentemente da marca/modelo: Mitsubshi/Pajero Sport, cor preta, que transitava em alta velocidade e colidiu com a motocicleta, arremessando o casal para fora da pista. Ainda de acordo com a vítima, quatro pessoas estavam no veículo, ambos supostamente alcoolizados, que após o ocorrido fugiram sem prestar socorro.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, ao chegar no local, constataram que a mulher sofreu uma grave fratura na perna, e a encaminharam com Urgência para o Hospital Regional José Mendes, no Centro de Itacoatiara, onde passou por um procedimento cirúrgico. Enquanto o homem, sofreu diversas lesões pelo corpo e foi encaminhado para a Unidade de Pronto Antedimento (UPA), localizada na Avenida Mário Andreaza, próximo à Universidade do Estado do Amazonas (UEA), na qual ficou internado.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Além da fratura, Tati sofreu diversas escoriações pelo corpo.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A omissão de socorro no trânsito, além de ser uma infração, pode, ainda, se constituir crime de trânsito sob pena de detenção. Conforme o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), trata-se de uma infração gravíssima; Sob pena de multa (cinco vezes) e suspensão do direito de dirigir, assim como o recolhimento do documento de habilitação. A situação se agrava quando o condutor está alcoolizado, sujeito a pena de detenção de seis meses a três anos, assim como a aplicação de multa e suspensão da CNH ou mesmo a proibição de se obter habilitação para dirigir veículos automotores.

O Boletim de Ocorrência foi registrado, e as vítimas estão à procura de vídeos ou fotos do momento do acidente que possam ajudar no reconhecimento dos autores. Por serem autônomos e estarem passando por dificuldades financeiras, diante a pandemia, além dos altos gastos com medicamentos e materiais para curativos e tratamento, solicitam de quem se sensibilizar e poder ajudar nesse momento difícil, entrar em Contato: (92) 9196-5219.
#Compartilhe

Portal de Notícias ITA LCJ.

Deixe uma resposta